Já sou um líder, mas não consigo exercer meu papel. O que fazer?

By Virgínia Terra 2 anos ago

Entenda como transformar seu papel de “chefe” em um líder com espírito inspirador e transformador para sua equipe e empresa.

 

É muito comum profissionais acabarem assumindo cargos de liderança por serem bem qualificados profissionalmente, mas muitas vezes não são tão qualificados para liderar pessoas. James Hunter, autor do best-seller “O Monge e o Executivo” já disse: “Você pode até gerir a si mesmo. Mas você não pode gerir seres humanos. Você gere coisas e lidera pessoas“.

 

Muitos profissionais têm dificuldades de coordenar equipes e empresas, mesmo já estando em uma posição de líder. O primeiro passo para mudanças positivas é aceitar que você não está exercendo o seu papel tão bem como gostaria. A partir disso, é muito mais fácil encontrar maneiras de aprimorar-se.

 

A partir do momento que você aceita se transformar, observe suas características positivas. Se quiser, anote-as: serão esses atributos que vão impulsionar sua liderança, uma vez que são inúmeros os tipos de liderança existentes. Identificando o que você tem de melhor vai te deixar mais confiante para trabalhar o que ainda não vai tão bem.

 

Liderança também quer dizer relacionamentos. Se você ainda não estiver tão confortável para uma conversa aberta e franca, faça uma pesquisa de satisfação com os membros da equipe para você também ter uma visão externa de como melhorar o seu relacionamento e comunicação com os subordinados. Uma comunicação clara entre o líder e a equipe podem trazer resultados nunca antes alcançados.

 

Anime-se! É provável que algumas pessoas desejem estar no seu lugar, mas fazendo o seu trabalho com carinho e animação pode ajudar a deixar o ambiente mais agradável e até dar abertura para possíveis “chamadas de atenção”, mas sem climão. Mas atenção: é importante ter em mente que um líder compreensivo e animado não significa ser um líder frouxo: saiba o momento de se divertir com a sua equipe e o momento de cobrá-la. Tudo é uma questão de jogo de cintura.

 

Por fim, não sinta vergonha em ter dificuldades em liderar, afinal, isso é mais comum do que você imagina. E é por isso que a FAPPES está lançando o MBA em Desenvolvimento de Lideranças, que tem como objetivo desenvolver as habilidades e competências essenciais para líderes inspiradores, capazes de unir pessoas sob um mesmo ideal e dar o primeiro passo em direção à mudanças positivas.

 

“Há uma diferença entre ser um líder e ser um chefe. Os dois são baseados em autoridade. Um chefe demanda obediência cega; um líder conquista sua autoridade por meio da compreensão e confiança.” – Klaus Balkenhol

 

Luíza Caricati – Jornalista

Category:
  Carreira

Comente

Informe seu e-mail para enviar seu comentário.