Faculdade Paulista de Pesquisa e Ensino Superior - 0800 730 7766

Participar de grandes grupos de conversa pode ser intimidador, principalmente para quem é uma pessoa tímida. Contudo, o networking é fundamental para profissionais de todas as áreas e deve ser praticado sempre que possível.

A prova de que qualquer um pode vencer suas limitações para lidar com o público é o exemplo de Mark Zuckerberg. Mesmo sendo introvertido, o fundador do Facebook precisa participar de entrevistas e palestras.

Então, que tal encarar o desafio e descobrir como melhorar o seu networking? Acompanhe!

O que é networking?

A palavra foi incorporada no vocabulário brasileiro, mas é um termo que se origina do inglês (“net” vem de rede e “work” de trabalho). O networking identifica a ação de criar e manter contatos com outras pessoas que apresentam algum interesse em comum.

Networking é uma palavra utilizada em empresas e no mundo de negócios. Os profissionais precisam conhecer pessoas de diferentes níveis de trabalho para que possam ter melhores chances de crescer na carreira.

Todavia, não se deve pensar que networking é uma ação egoísta em busca exclusiva do bem próprio. A ação está vinculada a um relacionamento saudável e profissional entre as pessoas.

Por exemplo: um colega de colégio trabalha em uma empresa que está em busca de uma pessoa que possa contribuir com a divulgação de alguns produtos. E ele conhece você, que gosta de utilizar redes sociais e canais como YouTube. Ele pode fazer uma indicação do seu nome por livre e espontânea vontade.

Da mesma forma, se um dia você ficar sabendo de uma vaga mais interessante para ele ou outra pessoa do seu ciclo de contatos, poderá fazer a recomendação dela.

Sendo assim, a rede de contatos é uma maneira de compartilhar informações, trocar ideias e dar suporte para outras pessoas que têm interesses parecidos com os seus. Por que praticar o networking? Porque quanto maior for a sua rede de contatos, maior será a sua chance de ser indicado para uma boa oportunidade.

Vale lembrar que para isso não basta apenas ter uma rede social repleta de amigos. É necessário manter contato e estar disposto a ajudar outras pessoas. Além disso, o networking envolve paciência, pois não é possível conhecer alguém em um dia e já enviar o currículo.

Como desenvolver melhor essa habilidade?

Assim como Zuckerberg, outros empresários e pessoas famosas superaram a timidez para encarar o mundo empresarial. Sendo assim, é necessário trabalhar as habilidades para que você possa desenvolver uma conversa com uma pessoa desconhecida, sem que o nervosismo tome conta. É fundamental aprender a dar o primeiro passo, entrar em rodas de conversa e manter um diálogo.

Conheça, a seguir, algumas sugestões para fazer networking, mesmo quando se é introvertido.

Uso de redes sociais

Elas podem ser excelentes ferramentas para criar e manter contatos. No Facebook, por exemplo, você pode conversar com antigos colegas de colégio, profissionais que trabalham na mesma empresa que você e familiares.

Já o LinkedIn é uma ferramenta ainda mais indicada para fazer networking. Ela é voltada para o relacionamento profissional e, por isso, é um ambiente em que outras pessoas também estão interessadas em manter contatos de qualidade.

Muitas vezes, um colega de colégio poderá compartilhar uma vaga de emprego na rede social, por exemplo. Com isso, você pode enviar uma mensagem e solicitar uma indicação do seu nome.

Essa é uma excelente opção tanto para pessoas extrovertidas como introvertidas, pois a comunicação ocorre de maneira online.

Utilização de um cartão de visitas

É importante ter sempre um cartão de visitas no bolso, principalmente quando você for participar de uma reunião, palestra ou congresso. Ele é uma maneira mais prática de começar uma apresentação pessoal ou de manter um contato após um evento. Nesse caso, prepare um cartão com seu nome, telefone, e-mail para contato e alguma rede social.

Criação de metas de número de pessoas a conhecer

Para quem é muito tímido, é muito importante criar metas de quantas pessoas se quer conhecer em um evento. Caso contrário, a tendência é você se isolar ou permanecer cercado por pessoas que já conhece.

Também é importante se preparar para o momento, ter bons assuntos para conversar com outras pessoas e observar o ambiente ao redor. Assim, você poderá escolher pessoas com mais critério e evitar abordagens a profissionais que não têm o mesmo interesse que o seu.

Preparação constante

Procure trabalhar a timidez em casa antes de ir a qualquer evento de negócios. Entre as práticas que podem ser adotadas estão: a leitura de notícias, conversar mais com pessoas que já conhece e controlar a ansiedade.

Além disso, uma boa tática de networking é saber ouvir. Nem sempre a pessoa extremamente comunicativa é a que fará mais “sucesso” em uma roda de conversa. Quem sabe ouvir também tem o seu valor, basta saber fazer perguntas interessantes para outros profissionais.

Ajuda de conhecidos

Outra estratégia para praticar networking e vencer a timidez é buscar auxílio de conhecidos. Se você chegar a uma palestra, por exemplo, e encontrar alguém que você mantinha um bom relacionamento, poderá solicitar ajuda para apresentá-lo a outras pessoas.

Você pode fazer o mesmo, ao apresentar seu conhecido para as pessoas do seu ambiente de trabalho. Dessa maneira, ambos aumentam a rede de contatos e têm a oportunidade de crescer profissionalmente.

Manutenção de contatos

Depois de batalhar para desenvolver contatos, é importante se lembrar de conservá-los. O networking envolve manter um diálogo nas redes sociais e em ambientes públicos. Algumas situações podem ser bem simples. Por exemplo: você foi almoçar em um restaurante e encontrou um antigo colega de trabalho. Aproveite para cumprimentá-lo e trocar algumas ideias.

Essa estratégia pode parecer simples, mas é uma maneira de fazer com que os outros se lembrem de você. Porém, procure não forçar a barra. Se perceber que a pessoa está ocupada, peça licença e retire-se de perto dela.

Viu como é simples fazer networking? Basta criar estratégias que auxiliem na hora daquele encontro profissional. Que tal aproveitar essas dicas para ampliar a sua rede de contatos? Depois compartilhe como foi a sua experiência no nosso espaço de comentários!

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×

Taxa de Inscrição Vestibular Futuro Executivo

R$25,00

O Programa Futuro Executivo da Fappes Blox foi feito para te transformar. Ele diz respeito a uma graduação em Administração com uma série de benefícios para mudar suas atitudes, comportamentos, suas visões empreendedoras e de mundo! Está pronto para transformar sua vida?

Fazendo o Programa Futuro Executivo você tem direito a um curso no Canadá, na McGill University durante um mês! Um curso de inglês e sessões de Coaching também entram na lista VIP das inúmeras vantagens do Programa. Nós da Fappes Blox acreditamos que a educação vai além de um diploma. E você?