O que é um infoproduto? Veja se é possível ganhar dinheiro em casa

By Comunicacão FAPPES 2 meses ago

Quem está [email protected] com a internet e gosta de passar o dia nas redes sociais e visitar blogs ou o YouTube já deve percebido, provavelmente, que há diversas pessoas tentando ganhar dinheiro com materiais informativos e distribuídos no formato digital.

Os infoprodutos, como são chamados, tornaram-se para [email protected] a sua principal fonte de renda, até porque sabe-se que o potencial de lucro que os envolve é bastante interessante. Mas você, por acaso, saberia dizer o que é um infoproduto?

Antes de mais nada, é preciso deixar claro que esse tipo de abordagem tem um propósito simples, mas elogiável: educar as pessoas. Nesse sentido, estamos falando, sobretudo, em resolver um problema ou facilitar suas vidas em relação a um assunto.

Para quem deseja explorar esse mercado, o ponto positivo, além das possibilidades de ganho, está no fato de que é possível criar um negócio online no sofá de casa, com uma ou duas horas por dia, sem a necessidade de largar o emprego atual, por exemplo.

Pensando nisso, preparamos este artigo para apresentar tudo o que você precisa saber sobre os infoprodutos. Se você é uma pessoa curiosa e quer sair do convencional, não perca a leitura em hipótese alguma. Confira!

O que é um infoproduto?

Primeiramente, é importante esclarecermos o que é um infoproduto. Basicamente, pode-se considerá-lo como qualquer tipo de informação que esteja “embalada” em um arquivo digital. Simples assim.

Tais informações, por sua vez, poderão ser compartilhadas em 3 formatos: texto, áudio e vídeo. Esses formatos, então, são classificados da seguinte maneira:

E-books

Amplamente conhecidos e bastante eficientes, os e-books estão entre os principais infoprodutos do mercado. Normalmente, a criação desse tipo de material é direcionada para o fornecimento de informações práticas, oferecendo explicações que costumam ir além do substancial.

No marketing digital, os e-books geralmente são utilizados como uma isca, isto é, como uma forma de atrair possíveis clientes. Em uma terminologia mais técnica, esse infoproduto é muito positivo no que se refere à geração de leads.

Contudo, vale ressaltar que a produção desse conteúdo precisa respeitar alguns fatores, desde a relevância das informações até as questões do trabalho gráfico. Em termos de remuneração, essa pode não ser a melhor ideia: sua utilização será mais bem-aproveitada como o estágio inicial para uma venda futura.

Porém, isso não quer dizer que você não possa vender um e-book, pelo contrário, é totalmente possível, mas saiba que, para isso, será necessário produzir um material extremamente rico.

Webinars

Sabe aqueles eventos em vídeo e transmitidos ao vivo que muito se vê na internet hoje em dia? Então, esse é também um infoproduto, chamado de webinar. Embora em um formato diferente dos e-books, seu objetivo é praticamente o mesmo: captar clientes em potencial.

O legal desse instrumento é que @s usuá[email protected] do webminar podem interagir com o seu/sua [email protected], ou melhor, com a pessoa por trás do vídeo. E engana-se quem pensa que é preciso grandes produções ou estruturas. Atualmente, há inúmeras ferramentas que permitem executá-lo de modo simples e efetivo.

Cursos online

Sim, é isso mesmo que você leu, os cursos online também englobam os infoprodutos. No entanto, aqui o desafio é mais complexo e envolve maiores cuidados quanto à produção dos conteúdos.

Todavia, um trabalho bem-realizado, ou seja, a criação de videoaulas de qualidade e que de fato serão úteis a um determinado público-alvo, pode lhe render boas quantias de dinheiro. As oportunidades são imensas, acredite.

Podcasts e videocasts

Sendo o mais breve possível, os podcasts são gravações em áudio, informativas e que costumam se parecer com programas de rádio. Já os videocasts podem ser considerados como sua extensão, pois serão a filmagem das gravações, usualmente disponibilizadas no YouTube.

Screencasts

Enquanto os videocasts mostram o que @s [email protected] na filmagem estão fazendo, os screencasts gravam única e exclusivamente a tela do computador: esse infoproduto é muito popular no nicho dos games, em que um/a [email protected] em questão grava uma partida e a disponibiliza para seus/suas [email protected], por exemplo.

Ainda, há também os whitepapers, os audiobooks, as e-magazines e algumas ferramentas. Enfim, são muitos tipos de infoprodutos, cada qual com suas próprias particularidades.

Como ganhar dinheiro com os infoprodutos?

É aqui aonde queríamos chegar. Afinal, é possível ganhar dinheiro em casa vendendo infoprodutos? Respondendo essa pergunta: é sim! E, para isso, há duas alternativas: ou você se torna um/a produtor/a, ou um/a [email protected]

O/A [email protected], como o próprio nome já diz, é [email protected] que produz infoprodutos e os expõem na internet. [email protected] será @ responsável por desenvolvê-lo, mantê-lo e claro, definir os valores.

E @ [email protected], o que é? Bem, [email protected] pode ser qualquer um/a que queira vender materiais digitais na web. Caso você não tenha interesse em criar, por que não entrar em contato com um/a produtor/a e solicitar a venda de seus infoprodutos?

Ao formar essa parceria, você se tornará um/a [email protected], recebendo uma comissão pelas vendas. Para quem possui uma página no Facebook, um perfil no Instagram ou um canal no Youtube, e que tenha um bom número de [email protected], essa ideia pode ser muito interessante. A dica é a seguinte: procure por produtos digitais relativos ao seu campo.

Observação: há [email protected] digitais que não fazem esforço algum para vender, tudo está na mão [email protected] [email protected] Alguns/algumas [email protected], @s de maior destaque, possuem empresas constituídas para produzir opções para diversos nichos.

De qualquer modo, seja qual for a sua escolha, tenha em mente que, para ter sucesso e consequentemente rentabilizar seus esforços, será preciso se dedicar. E não é pouco, é muito!

Para concluir, é válido falarmos sobre a necessidade de você estar se aprimorando do que corresponde aos meios de divulgação online e aos conhecimentos de marketing digital. O motivo do fracasso de [email protected] é justamente não entender o funcionamento desse ambiente.

Enfim, agora que você já sabe o que é um infoproduto e quais são os mais comuns do mercado, aproveite essa oportunidade para tentar ganhar dinheiro.

O que achou deste post? Gostou? Então, compartilhe-o em suas redes sociais para que os seus/suas [email protected] também o vejam!

Category:
  Carreira

Comente

Informe seu e-mail para enviar seu comentário.